Dermatite Seborreica – ninguém merece caspa!

October 11, 2018

 

 

Que sensação desagradável vestir uma roupa escura e perceber ao longo do dia que ela acumulou aqueles floquinhos brancos... ninguém merece!

 

A caspa é um problema comum e um verdadeiro incômodo para quem tem e não sabe mais o que fazer para resolver.

 

Por isso, aqui vai um guia rápido com todas as informações importantes sobre a Dermatite Seborreica. Olha só!

 

A Dermatite Seborreica:

 

- É uma inflamação da pele;

- Causa descamação e vermelhidão em algumas áreas da face e couro cabeludo;

- É uma doença crônica, ou seja, tem períodos de melhora e piora;

- Não é contagiosa e não é causada por falta de higiene.

 

 

 

As causas da Dermatite Seborreica não são totalmente conhecidas, mas podemos citar os seguintes fatores como principais determinantes para o seu surgimento:

 

- Predisposição genética;

- Alergias;

- Situações de fadiga ou estresse emocional;

- Baixa temperatura;

- Álcool;

- Medicamentos;

- Excesso de oleosidade;

- Presença do fungo Pityrosporum ovale.

 

De maneira geral, os sintomas da Dermatite Seborreica são:

 

- Escamas brancas que descamam – caspas!

- Escamas amarelas que são oleosas e ardem;

- Coceira, levando à piora do quadro de caspa;

- Leve vermelhidão na área;

- Oleosidade na pele e no couro cabeludo;

- Normalmente, se forma onde a pele é oleosa ou gordurosa, como couro cabeludo, sobrancelhas, pálpebras, vincos do nariz, lábios, atrás das orelhas e tórax.

 

Como você já viu, a Dermatite Seborreica é uma doença crônica, ou seja, não tem cura. Entretanto, o diagnóstico e tratamento precoce são determinantes para se obter os melhores resultados.

 

Dentre as medidas que podem ser adotadas, estão:

 

- Interrupção do uso de sprays, pomadas e géis para o cabelo;

- Geralmente, é indicado o uso de xampus que contenham ácido salicílico, alcatrão, selênio, enxofre, zinco e antifúngicos;

- Também pode ser indicado o uso de cremes/pomadas com antifúngicos e, eventualmente, com corticosteroide, dentre outros especificados pelo dermatologista.

 

E será que existe uma forma de curar a Dermatite Seborreica?

 

A resposta é: não.

 

O que podem ser revistos são alguns hábitos que contribuem para a piora do quadro da Dermatite, como:

 

- Tentar se controlar para não coçar e arrancar as casquinhas;

- Lavar o cabelo e o rosto com mais frequência – todos os dias ou dias alternados;

- Não dormir com os cabelos molhados;

- Evitar banhos e lavagens com água muito quente;

- Evitar chapéus ou bonés;

- Não aplicar condicionador e cremes no couro cabeludo, só nas pontas do cabelo;

- Diminuir o uso de secadores e chapinhas;

- Usar shampoos específicos para caspa;

- Usar roupas que não retenham o suor, como as de tecido sintético;

- Eliminar os fatores desencadeantes, como má alimentação, tabagismo e consumo de bebida alcoólica;

- Adotar medidas que contribuam para o equilíbrio emocional e promovam o bem-estar, como exercícios físicos, além de evitar situações de estresse.

 

E, por fim, vale ressaltar que a consulta com o dermatologista é indispensável. Desta maneira, você terá certeza de que se trata mesmo da Dermatite Seborreica, e não alguma outra doença, como a psoríase – que tem sintomas parecidos -, e ainda recebe as orientações de medicamentos certos conforme as suas individualidades.

Share on Facebook
Share on Twitter
Please reload

Featured Posts

I'm busy working on my blog posts. Watch this space!

Please reload

Arquivo 
Please reload

Follow us
  • Grey Facebook Icon
  • Grey Instagram Icon

Perdizes: Rua Turiassu, 143/145 - Cj61

 

Alto da Lapa: Rua Sales Junior, 642


São Paulo, SP, Brasil 

© 2018. Todos os direitos reservados. Responsável: Dra.Flávia Jorge - CRM 124.469 RQE 37373 - Esse site segue as normas do Código de Ética Médica do Conselho Federal de Medicina